a da batida

hoje teve show dos os otávios
foi a primeira vez que eu cantei como integrante oficial da banda,
foi legal e tudo mais

depois do show eu acabei caindo no conto do Luisinho. Ele tinha sido contratado pra filmar uma festa de burgueses no jockey clube; falou que tinha bebida e comida à vontade e que punha agente pra dentro. Eu convenci o W. a ir comigo

chegando lá era uma puta festa de perua, e as peruas queriam obrigar agente a pagar uma grana pra entrar. agente tava com uma puta fome e resolveu sair fora e ir comer alguma coisa em algum lugar, no mac Donalds, que fosse. O W. resolveu dirigir de novo – você sabe como é mulher no volante…

Na hora de fazer a curva ele bateu num outro carro. O motorista era negro e foi muito gentil com a gente, pegou os dados do W. pra fazer o B.O.
Daí aconteceu o mais bizarro da história, eis que para um carro de polícia. Eles poderia ter fodido com agente, eles vira que agente é que tinha batido no carro do cara, e mesmo assi, pediram os documentos dele, SÓ DELE!!, e ainda foram checar no sistema e tudo mais

Depois ainda tem gente que diz que racismo não existe no Brasil. Escroto